Emlur inicia campanha de proteção à vida e programa atividades para todo o mês

Os motoristas que circulam na Avenida Minas Gerais, no Bairro dos Estados, foram surpreendidos, nesta sexta-feira (1º), com mensagens de apoio como “Sua vida vale muito”, “Precisando, peça ajuda” e “Você tem muito valor”. Os dizeres estão contidos em placas e fazem parte da campanha alusiva ao Setembro Amarelo, realizada pela Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur).

No semáforo próximo à Autarquia, servidores do setor Psicossocial e da Divisão de Arte e Cultura fizeram um pit stop para levar a mensagem da campanha de proteção à vida e prevenção ao suicídio. Na ação, eles entregaram broches e bolas amarelas aos motoristas e pedestres. As árvores em frente à Emlur também ganharam decoração especial com o tema, com laços amarelos.

O tema da campanha Setembro Amarelo, deste ano, é “Se precisar, peça ajuda”. Para o superintendente da Emlur, Ricardo Veloso, é necessário ter um olhar de acolhimento e compreensão ao outro, inclusive no ambiente de trabalho, e difundir a ideia de valorização da vida.

“Problemas como ansiedade e depressão fazem parte da vida cotidiana e precisamos ajudar a combater os danos causados nas pessoas ao nosso redor. A Emlur faz um atendimento psicossocial permanente aos nossos servidores e familiares, mas nesse mês de setembro chamamos a atenção para a campanha de prevenção ao suicídio, um assunto que não é debatido, mas que precisamos falar sobre para enfrentá-lo”, comenta Ricardo Veloso.

A psicóloga da Emlur, Adriana Guedes, afirma que durante o mês, a equipe do setor Psicossocial vai visitar todas as administrações da Emlur, no projeto Roda de Diálogo, para apresentar o tema do Setembro Amarelo e divulgar o serviço de atendimento aos agentes de limpeza.

Programação – A programação do lançamento da campanha contou apresentação dos usuários do Centro de Apoio Psicossocial (Caps) Gutemberg Botelho. A banda Passageiro 22, que tem a música como terapia, apresentou canções autorais. Já os estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Emlur produziram um texto motivacional.

O grupo de percussão da Emlur, Baticumlata, mudou seu repertório e apresentou músicas da cultura popular brasileira sobre superação e resiliência. O grupo de teatro, Arte do Riso, apresentou uma esquete sobre a depressão e sua superação, evidenciando que é preciso buscar ajuda e acreditar que é possível viver bem.

A agente de limpeza, Eliane Augusto, disse que vai prestar mais atenção às pessoas, para, quem sabe, acolher e dizer uma palavra amiga em um momento de necessidade. “Tem muita gente triste e sem vontade de sair de casa, então é importante abordar esse assunto aqui na Emlur. E com as apresentações culturais, achei tudo maravilhoso”.

A programação foi encerrada com palestra da psiquiatra do Caps Gutemberg Botelho, Yokebedh Neri. Ela fez uma apresentação dinâmica com as pessoas, expondo questões ligadas à saúde mental a fim de motivar os participantes.

Serviço – O atendimento do setor Psicossocial da Emlur é de segunda a quinta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Às sextas-feiras, o serviço é prestado apenas pela manhã. No turno da tarde, ocorre a reunião do grupo de Alcoólicos Anônimos (AA), Limpando a Mente, que também atende as pessoas da comunidade.

últimas notícias

Categorias

Redes Sociais