Prefeitura de João Pessoa alerta sobre a importância da vacinação contra paralisia infantil

Prefeitura de João Pessoa alerta sobre a importância da vacinação contra paralisia infantil

No ‘Dia Mundial de Combate à Poliomielite’, celebrado nesta terça-feira (24), a Prefeitura de João Pessoa segue o alerta preventivo e de conscientização, convocando pais e responsáveis aos serviços de saúde e postos móveis, com intuito de garantir o cuidado e manter as crianças protegidas contra a doença, pode ser fatal e não tem cura, mas pode ser evitada com a vacina.

Prefeitura de João Pessoa alerta sobre a importância da vacinação contra paralisia infantil

“A paralisia infantil é uma doença contagiosa aguda causada por vírus que pode infectar crianças e adultos e em casos graves pode acarretar paralisia nos membros inferiores e até levar a morte. A vacinação é a única forma de prevenção e é de fundamental importância que todas as crianças menores de cinco anos estejam vacinadas”, esse é o alerta de Fernando Virgolino, chefe da Seção de Imunização de João Pessoa.

Muitas doenças comuns no Brasil e no mundo deixaram de ser um problema de saúde pública por causa das vacinas e da realização de campanhas de imunização. Em 1994, a região das Américas foi a primeira no mundo a ser certificada como livre da pólio, que é uma doença contagiosa aguda causada pelo poliovírus (inicialmente dos sorotipos 1, 2, 3, dos quais apenas o de tipo 1 continua circulando), podendo infectar crianças e adultos por via fecal-oral (através do contato direto com as fezes ou com secreções expelidas pela boca das pessoas infectadas).

A dona de casa Elexandra da Silva observa de forma cuidadosa a caderneta dos seus três filhos desde o nascimento, para não atrasar nenhuma vacina, sabendo da importância que cada dose representa. “Eu fico atenta sempre para saber se está em dia, justamente porque sei que os vírus estão em circulação e que o fato dos meus filhos estarem vacinados, estão protegidos de algumas doenças evitáveis, que causaram muitos transtornos e infelizmente entristeceu famílias e até deixou sequelas em outras situações, como foi na época do surto da pólio”, disse a mãe de Alef Gabriel, Aildo Rian e Ágata Silva.

Prefeitura em ação – No último sábado (21), a Prefeitura de João Pessoa apoiou o evento de vacinação ‘Juntos contra a Pólio’, promovido pelo Rotary Clube que aconteceu no Busto de Tamandaré, com intuito de mobilizar e alertar a população contra a doença que pode ser evitada.

Esquema vacinal – A vacinação é a única forma de prevenção da Poliomielite. Todas as crianças menores de cinco anos de idade devem ser vacinadas conforme esquema de vacinação de rotina e na campanha nacional anual. Em 2016, o esquema vacinal contra a poliomielite passou a ser de três doses da vacina injetável – VIP (dois, quatro e seis meses) e mais duas doses de reforço com a vacina oral bivalente – VOP (gotinha).

Para a vacinação, é necessário que pais e/ou responsável levem o cartão de vacina da criança ou do adolescente, que será avaliado pelos profissionais de Saúde para determinar quais esquemas vacinais são necessários atualizar e/ou iniciar.

Locais de vacinação em João Pessoa e horários dos serviços:

De segunda a sexta-feira:
– Policlínicas Municipais
Horário: 7h às 17h – Unidades de Saúde da Família (USFs)
Horário: 7h às 11h e das 12h às 16h – Centro Municipal de Imunização (CMI)
Horário: 8h às 16h

De segunda a sábado:
– Home Center Ferreira Costa Horário: 12h às 21h (de segunda a sexta-feira) 8h às 16h (sábado) – Shopping Sul Horário: 12h às 21h (de segunda a sexta-feira) 10h às 16h (sábado)

últimas notícias

Categorias

Redes Sociais