‘Procon vai às aulas’: 400 alunos da EJA recebem certificados de curso para o mercado de trabalho  

‘Procon vai às aulas’: 400 alunos da EJA recebem certificados de curso para o mercado de trabalho  

A Prefeitura de João Pessoa, que já cuida dos alunos na primeira infância e no Ensino Fundamental oferecendo um ensino inovador, com uso de tecnologia, robótica e uma pedagogia aliada a projetos esportivos e culturais, também se preocupa com a formação para o mercado de trabalho. Nesta terça-feira (24), 400 estudantes da Educação de Jovens e Adolescentes (EJA) receberam os certificados do programa ‘Procon vai às aulas’. A solenidade aconteceu no auditório da Faculdade Uninassau, na Avenida Epitácio Pessoa.  

Durante dois meses, com aulas semanais, totalizando 50 horas, os estudantes participaram das oficinas sobre direito do consumidor, mediação de conflitos, economia e habilidades sociais. Além dos certificados e das orientações de empregabilidade, os alunos também recebem, na conclusão, uma bolsa no valor de R$ 700 reais paga pela Prefeitura de João Pessoa.

Durante o curso, eles também receberam apoio de ônibus para o deslocamento e alimentação. O programa é uma parceria das Secretarias Municipais de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) e de Educação e Cultura (Sedec).  

“O Procon vai às aulas simboliza tudo aquilo que a gente acredita que seja o espírito da gestão do prefeito Cícero Lucena. Uma gestão preocupada em levar para quem mais precisa, para quem é mais vulnerável, conhecimento, qualificação, recurso público, estruturação. E é o que nós estamos vendo em toda a cidade”, disse o secretário de Proteção e Defesa do Consumidor, Rougger Guerra. “Tenho certeza que quem participou não só está muito mais qualificado para a vida em cidadania quanto para o mercado de trabalho”, concluiu.  

Nesta terceira edição, o programa ampliou em 100% o número de vagas, que saiu de 1.200 para 2.400. Além da EJA, também participam os alunos do 9° ano da rede municipal de ensino que estão na fase de conclusão. São seis escolas recebendo as aulas do programa, todos os sábados, das 8h até as 16h. Cada unidade funciona como espécie de polo, reunindo seis turmas cada. Fazem parte as escolas Darcy Ribeiro, Moema Tinoco, Tarsila Barbosa, Anísio Teixeira, Lucia Geovana, Fernando Milanez e Antenor Navarro.  

“Essa parceria da Sedec com o  Procon-JP vem avançando a cada ano. A gente começou com um número pequeno, em torno de 800 alunos, depois pulou para 1200. Hoje são 2.400 alunos que estão sendo formados dentro de uma área que vai facilitar a busca da empregabilidade. Estamos com mais uma etapa em curso, que envolve os meninos do 9º ano, para a gente concretizar, até o final de novembro, todo esse trabalho realizado”, explicou a secretária de Educação e Cultura, América Castro.  

Entre os concluintes, a estudante Lívia Pontes, da Escola Municipal João Pessoa, disse que o curso foi uma experiência enriquecedora. “Foi muito válido e muito proveitoso, porque aprendemos muito. E o curso que eu mais gostei foi de economia, para economizar e saber lidar com questão financeira. Representando também a minha escola e os alunos, digo que todos adoraram o curso. E quem não fez, tem que fazer, porque foi perfeito”, disse a aluna.  

últimas notícias

Categorias

Redes Sociais