Secitec abre inscrição para curso ‘Professor 5.0’, que irá formar educadores para novas tecnologias

A Secretaria de Ciência e Tecnologia de João Pessoa (Secitec) abriu inscrição para o curso ‘Professor 5.0 – Liderando a Educação na Era Digital’. A capacitação é gratuita e as inscrições são realizadas online, pelo site ead.secitecjp.com.br. Para se inscrever, é necessário ser professor da rede municipal de ensino de João Pessoa.

O curso foi pensado a partir da necessidade de formar educadores aptos a orientar alunos a aprender e desenvolver competências necessárias para o meio tecnológico. “A ideia do curso surgiu da necessidade de especialização e formação dos professores sobre as novas tecnologias. É capacitar docentes para atuar de forma inovadora no contexto educacional”, frisou Edvaldo Vasconcelos, diretor da Divisão de Tecnologia e Inovação da Secitec.

A capacitação possui 12 módulos, que englobam as dimensões da educação digital desde fundamentos, como metodologias ativas e o papel do professor 5.0, até tecnologias exponenciais, como inteligência artificial, realidade virtual e análise de dados educacionais.

No site da inscrição, o professor irá colocar os dados pessoais e a escola onde leciona. Não há limite de vagas e o próprio sistema informa quando as mesmas foram todas preenchidas. Os critérios usados são os mesmos do programa ‘Qualifica João Pessoa’.

Curso – A plataforma do curso é intuitiva e responsiva. Nela, o professor vai encontrar videoaulas, exercícios e apostilas para baixar. Caso o usuário tenha dúvida no decorrer do curso, há ainda vídeo explicando o passo a passo, além de links de WhatsApp e Telegram.

Ao final do curso, os professores, que receberão certificados, estarão aptos a avaliar criticamente diferentes abordagens e ferramentas digitais.

O assistente de sistemas da Secitec, Josias Moura, explicou que essa iniciativa irá possibilitar os educadores a instigar seus alunos a desenvolver um pensamento computacional, criativo, com foco em resolução de problemas complexos e senso de trabalho em equipe.

“Vivemos em uma era onde a tecnologia está presente em todos os âmbitos da sociedade, seja em casa, na rua ou no trabalho. Essa ferramenta está a um clique da nossa realidade. Na esfera educacional, não poderia ser diferente. As tecnologias digitais estão cada vez mais presentes nas salas de aula, sobretudo, nas práticas pedagógicas”, ressaltou.

Josias Moura acrescentou ainda que a iniciativa inspira educadores a assumirem um papel de liderança no processo de transformação digital das instituições de ensino. “É um projeto que contribui para uma educação mais inclusiva, personalizada e significativa”, concluiu.

Práticas pedagógicas – O professor de matemática da rede municipal de João Pessoa, Cássio dos Anjos, comentou que o meio digital traz vantagens e desvantagens para os alunos e que, por isso, é preciso estar atento às práticas pedagógicas.

“Os educadores precisam atualizar seus métodos de ensino para atender ao novo perfil dos alunos. As tecnologias de informação e a comunicação podem ser usadas para enriquecer o ambiente educacional e proporcionar novas formas de aprendizagem. Dessa forma, uma formação permite aperfeiçoar as vantagens elencadas anteriormente e buscar soluções conjuntas para as desvantagens citadas”, explicou.

últimas notícias

Categorias

Redes Sociais